Iapar e Simepar confirmam risco de geadas na zona cafeeira do Paraná

Imprimir
O Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) e o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar) confirmam o risco de geadas com potencial de causar danos às lavouras paranaenses de café nas madrugadas de sábado (6) e domingo (7).

A recomendação para os plantios novos de café, com até seis meses de campo, é enterrar as mudas.

Viveiros devem ser protegidos com várias camadas de cobertura plástica ou aquecimento, com a opção de adotar as duas práticas simultaneamente.

Nos dois casos (lavouras novas e viveiros), a proteção deve ser retirada logo que a massa de ar frio se afastar e cessar o risco imediato de geada.

Nas lavouras com idade entre seis meses e dois anos, a recomendação aos produtores é amontoar terra no tronco das plantas até o primeiro par de folhas. Essa proteção deve ser mantida até meados de setembro, e depois retirada com as mãos.

Mais informações sobre o Alerta Geada e técnicas de proteção de cafeeiros podem ser obtidas nos endereços www.iapar.br, www.simepar.br, ou ainda pelo disque-geada (43) 3391-4500.

IAPAR CLIMA – A partir deste ano, o avisos de Alerta Geada passam a ser divulgados também pelo aplicativo IAPAR Clima, que está disponível para aparelhos Android e pode ser baixado gratuitamente no Google Play.

Fonte: Serviço de Imprensa do Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *