Governo confirma liberação de R$ 522 milhões do Funcafé para financiar a colheita do café

Imprimir

“A cafeicultura brasileira precisa aproveitar as oportunidades colocadas diante da atual situação do mercado internacional”, afirmou nesta manhã o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Rossi. O ministro participa de uma reunião, em Brasília/DF, com representantes da cafeicultura, incluindo parlamentares, produtores, cooperativas, exportadores, associações, além de membros da indústria e de entidades, como o Conselho Nacional do Café (CNC) e da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Atualmente, explicou Rossi, o mundo está com baixos estoques do grão, com queda na safra dos principais países produtores e há boa inserção do café nacional usado em blends (resultado da composição de grãos de diferentes espécies) nas regiões do planeta onde a bebida é mais consumida.

No Brasil, a safra atual é considerada de ciclo alto, quando devem colhidas mais de 47 milhões de sacas de café de 60 quilos, conforme levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Colheita – O ministro da Agricultura também confirmou que devem ser liberados, nos próximos dias, R$ 522 milhões para financiar a colheita do grão no ciclo 2009/2010. Os recursos são do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé), administrado pelo Ministério.

* Laila Muniz

Fonte: MAPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *