Funcafé reduz juros e altera regras no armazenamento

Imprimir

A assessoria de comunicação do Conselho Nacional do Café (CNC) informa que, na última quinta-feira, dia 28 de junho de 2012, o Banco Central do Brasil publicou a Resolução Nº 4.099, que “altera as condições de crédito rural ao amparo de recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé)”.

Entre outras medidas, o texto traz mudanças em relação aos encargos financeiros, como a redução dos juros das operações com recursos do Funcafé de 6,75% a.a. para 5,5% a.a. para OPERAÇÔES CONTRATADAS A PARTIR DE 30/06/2012. As operações contratadas anteriormente a esta data, seguem com juros de 6,75% a.a.

Outra medida apontada na Resolução Nº 4.099 se refere ao armazenamento das sacas depositadas como garantia para os financiamentos com recursos do Fundo. A partir de agora, não existe mais a obrigatoriedade de estrados de madeira nos armazéns credenciados pela Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB).

Fonte: CNC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *