Florada está secando em diversas regiões e minimiza otimismo da safra 2018/19 de café

Imprimir
Conforme fotos e vídeos enviados por produtores ao site Notícias Agrícolas, as floradas em algumas lavouras do cinturão produtivo brasileiro estão secando diante das altas temperaturas. (Veja imagens abaixo) Mesmo com algumas chuvas nas últimas semanas, as plantações não têm resistido e o otimismo da safra 2018/19 vai diminuindo.

“A perda na minha lavoura foi de 80%. A expectativa de produção era de até 70 sacas neste ano e estimo que ela vá produzir apenas 10 sacas, aproximadamente. São várias lavouras que estão desse jeito. A quebra desse ano será muito maior do que a do ano passado”, afirma o cafeicultor Geraldo Afonso da Silva, de Carmo do Paranaíba (MG), no Triângulo Mineiro.

A região, segundo o produtor, ficou sem chuvas por mais de 160 dias, em meio a altas temperaturas. Além do abortamento da florada, essa condição propiciou o aparecimento de bicho mineiro, que agrava ainda mais a situação das lavouras, e estimula queda de folhas tornando-as mais fracas e comprometendo a produção do café no próximo ano.

Fotos enviadas por produtores mostram que também há floradas secando na Zona da Mata de Minas e no Sul de Minas Gerais.

Florada do café secando em Guapé (MG) - Foto: Luciano Dutra Florada do café secando na região da Zona da Mata, em Minas Gerais - Foto: Ubiratan Barros Florada do café secando na região da Zona da Mata, em Minas Gerais - Foto: Ubiratan BarrosFlorada do café secando na região da Zona da Mata, em Minas Gerais - Foto: Ubiratan Barros Florada do café secando em Bom Jesus da Penha (MG) - Foto: Alexandre Marioti Florada do café secando em Bom Jesus da Penha (MG) - Foto: Alexandre MariotiFlorada do café secando em Bom Jesus da Penha (MG) - Foto: Alexandre Marioti Florada do café secando em Minas Gerais - Foto: Reprodução/Redes Sociais Florada do café secando em Minas Gerais - Foto: Reprodução/Redes SociaisFlorada do café secando na Região do Alto Paranaíba, em Minas Gerais - Foto: Reprodução/Redes Sociais Florada do café secando na Região do Alto Paranaíba, em Minas Gerais - Foto: Reprodução/Redes Sociais Florada do café secando na Região do Alto Paranaíba, em Minas Gerais - Foto: Reprodução/Redes Sociais

De acordo com o engenheiro agrônomo da Fundação Procafé, Alysson Fagundes, as plantas do cinturão brasileiro que têm apresentado essa condição, não vão produzir nada no ano que vem.

“Ainda não quantificamos as perdas, mas não está chovendo bem em todas as regiões produtoras, exceto Paraná e Baixa Mogiana, que tem uma produção irrisória. Tivemos algumas precipitações que estimularam a principal florada, mas depois parou”, afirma.

Fonte: Notícias Agrícolas (Por Jhonatas Simião)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *