Faltam compradores de café na região de Varginha

Imprimir

As negociações com o café na região de Varginha, Sul de Minas Gerais, estão praticamente paralisadas, segundo Douglas Valias, da Verde Corretora.
 
Somente o Sul mineiro produz de 11 milhões a 12 milhões de sacas, a maior região produtora de café do país, de acordo com ele.
 
A corretora comercializa café apenas para exportação e revela que os compradores também estão retraídos. Entre os motivos, conforme Valias, a expectativa de entrada de uma nova safra (2013/14) volumosa, que será colhida a partir de maio, estoques grandes no país e a crise econômica na Europa e Estados Unidos, grandes compradores do produto brasileiro.
 
O café de boa qualidade é negociado a R$ 300 por saca, enquanto o de melhor qualidade vale R$ 320. Na semana passada, os preços estavam R$ 10 a menos por saca, em média.
 
No mesmo período do ano passado, a comercialização do produto era mais intensa. “Não temos previsão de quando vai melhorar”, afirma Valias. Na sua avaliação, o Brasil perdeu mercado para o Vietnã.
 
Segundo divulgou a Dow Jones Newswires, na temporada mundial 2012/13 (que começou em outubro do ano passado), o Vietnã exportou 706 mil toneladas de café (11,77 milhões de sacas), um aumento de 23,2% sobre o período anterior.

Fonte: Valor PRO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *