Exportação de café do Equador sobe 28% no 1º semestre

Imprimir

O Equador exportou 626.504 sacas de café de 60 quilos cada no período de janeiro a junho de 2011, alta de 28% ante 489.186 sacas registradas no primeiro semestre de 2010, revelou nesta sexta-feira o Conselho Nacional de Café (Cofenac).

Os embarques de grãos de café nos seis primeiros meses deste ano somaram 196.915 sacas, enquanto os do tipo solúvel atingiram 429.589 sacas, segundo a Cofenac. A receita proveniente das exportações equatorianas entre janeiro e junho de 2011 alcançou US$ 97,49 milhões, quantia 47% maior que os US$ 66,13 milhões apurados um ano antes, acrescentou o conselho.

Somente em junho, os embarques do produto subiram 39% na comparação anual, para 117.335 sacas, o equivalente a US$ 28,98 milhões, ante US$ 10,24 milhões em igual intervalo de 2010, disse a Cofenac. Do total exportado em junho, 43.072 sacas de café foram vendidas para Colômbia, 19.656 sacas para Alemanha, 15.061 sacas para Rússia, 14.322 sacas para Polônia e o restante para outros países, de acordo com o conselho.

O Equador produz café principalmente nas províncias litorâneas de Manabi, El Oro e Los Rios, bem como em Sucumbios e Napo – na região Amazônica. Loja e Zamora, que ficam nas áreas montanhosas, também possuem cafezais. As informações são da Dow Jones.

Fonte: CNC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *