Exportação brasileira de café é recorde de 36,89 mi de sacas em 2015

Imprimir

O Brasil registrou exportação recorde de 36,89 milhões de sacas de 60 kg em 2015, o que corresponde a um crescimento de 1,3% em comparação com o ano anterior (36,42 milhões de sacas). Os dados foram divulgados nesta terça, dia 19, pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (CeCafé).

A receita cambial, no entanto, caiu 7% no ano passado, para US$ 6,136 bilhões, ante US$ 6,597 bilhões em 2014. A queda é decorrente principalmente da queda dos preços internacionais do produto.

No último mês de 2015, a exportação brasileira atingiu 3,189 milhões de sacas, representando queda de 0,9% ante o mesmo mês de 2014 (3,218 milhões de sacas). Em termos de receita cambial, houve redução de 25,2% em dezembro passado, para US$ 482,676 milhões (US$ 645,450 milhões em dezembro de 2014). 

Robusta

A exportação brasileira de café conilon (robusta) foi destaque na exportação em 2015. Segundo o CeCafé, foram embarcadas 4,169 milhões de sacas de 60 kg, um aumento de 21% em comparação com 2014 (3,452 milhões de sacas).

"Esse bom resultado do conilon, em decorrência da pouca oferta de café vietnamita e de outras origens, comparado com o recorde histórico de 2002 (4,29 milhões de sacas), indica uma redução de apenas 2,97% em volume, mas uma receita cambial recorde de US$ 461,792 milhões", informou o conselho, em relatório. 

 

Fonte: Estadão Conteúdo via Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *