Estudo revela que maior consumo de café pode reduzir chances de obter diabetes

Imprimir

Um estudo publicado na revista “Diabetologia”, da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes, na última quinta-feira (24), revela que aumentar uma xícara e meio do consumo de café em um período de quatro anos, ajuda a reduzir em até 11% o risco de diabetes. Essa relação entre o café e a diabete teve mais atenção quando ainda se associava uma incidência menor do diabetes tipo 2 com o maior consumo de chá e café, então a partir disso os cientistas resolveram avaliar melhor a situação.

Os autores da pesquisa então chegaram a conclusão e afirmaram que as pessoas que aumentarem o consumo de café em mais de uma xícara por dia durante quatro anos demonstravam um risco de 11% menor de contrair diabetes tipo 2 em relação aos que mudaram seus hábitos no consumo do café.

Mais café X Menos café
Diferente dos pacientes que reduziram o consumo do café em até uma xícara, apresentaram depois de algum tempo o risco de desenvolver diabetes tipo 2 superior a 17%. Mesmo com essa constatação, de que a falta de café pode deixar os pacientes mais propensos a doença, não foi identificado um impacto do consumo de chá e café descafeinado no risco de diabetes.

Os que continuaram consumindo uma maior quantidade de café, de 3 xícaras de café ou mais, demonstraram um nível ainda menor de risco de diabetes, 37% inferior ao dos que consumiam em menor quantidade, de uma xícara ou menos ao dia. Segundo os autores da pesquisa, as mudanças nos hábitos de consumo de café parecem impactar o risco de diabetes em um prazo relativamente curto. “Nossas pesquisas confirmam estudos prospectivos anteriores segundo os quais um consumo maior de café era associado a um risco menor de diabetes tipo 2”, concluem.

Fonte: Notícias BR

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *