Estoque baixo impulsiona preços do café

Imprimir

Os preços do café tiveram ontem a maior alta dos últimos cinco meses na bolsa de Nova York. Os contratos com vencimento em julho avançaram 1.225 pontos (4,7%) e fecharam o dia cotados a US$ 2,7095 por libra-peso.

Depois de uma sequência de dias em queda, os operadores do mercado voltaram a se preocupar com a disponibilidade de café para atender a crescente demanda pelo produto.

Para alguns analistas, a produção não será capaz de suprir a procura, o que tende a reduzir ainda mais os já baixos níveis dos estoques mundiais.

Dados da Organização Internacional do Café (OIC) mostram que os estoques nos países exportadores no início da safra 2010/11 eram de 13 milhões de sacas. Esse é menor volume dos últimos 20 anos.

Fonte: AgnoCafe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *