Espaço Café+Forte abriga encontros com produtores durante SIC 2016

Imprimir
Dois grandes encontros marcaram a programação do Espaço Café+Forte no primeiro dia de realização da Semana Internacional do Café (SIC 2016), em BH. As atividades desta quarta (21/9) começaram com palestra de sensibilização voltada especialmente a produtores e técnicos da fundação alemã Neumann, que recentemente aderiu parceria ao programa. Cerca de 50 interessados participaram do encontro e receberam mais informações sobre metodologia, ações e vantagens do Café+Forte.

Em seguida, a apresentação voltada ao grupo do Conselho dos Cafés das Matas de Minas reuniu mais de 100 produtores da região.

Neste segundo dia (22), o Espaço recebeu cerca de 60 cafeicultores da Coopfam (Cooperativa dos Produtores Familiares de Poço Fundo). A entidade é também parceira recente do programa, e organizou a vinda de seus cooperados à Semana Internacional do Café para conhecerem melhor as bases do Café+Forte e as próximas etapas.

Casos de sucesso

Durante toda a tarde desta quinta-feira, serão apresentados casos de sucesso dos produtores e técnicos selecionados pela equipe do sistema FAEMG como bons exemplos. A abertura dos trabalhos contou com a participação do assessor especial da FAEMG, João Roberto Puliti. Considerado referência no desenvolvimento do setor cafeeiro do Estado nas últimas décadas, ele contou um pouco sobre sua história como produtor e falou sobre o Café+Forte e as oportunidades que representa: “Era um anseio antigo da casa, e quando começamos a desenvolver as bases do programa, há mais de cinco anos, sabíamos que estávamos no caminho certo. E hoje, vemos aqui tantos produtores reunidos, buscando informação, querendo se capacitar em termos de gestão e agregar valor à sua produção. Esse interesse já é o primeiro e mais importante passo para que todos obtenham cada vez mais sucesso e dinheiro no bolso”.

Espaço Café+Forte

Realização da FAEMG, o Espaço Café+Forte, destina-se à divulgação do programa de gestão da cafeicultura. Produtores e demais visitantes podem obter informações sobre gestão eficiente dos custos de produção, conhecer casos de sucesso e receber orientações de como participar do programa. No espaço, também estão sendo realizados encontros e atividades interativas, além da divulgação de treinamentos do Senar Minas na área de cafés especiais: “É um momento muito importante, em que trazemos para o evento os produtores que já são acompanhados, possibilitando seu acesso à toda a cadeia e, ao mesmo tempo, apresentamos aos visitantes da feira as oportunidades que o programa oferece”, diz a coordenadora do Café+Forte pela FAEMG, Ana Carolina Gomes.

Programa de gestão do SISTEMA FAEMG, o Café+Forte visa proporcionar ao produtor condições para administrar a propriedade, por meio da gestão dos custos, fornecendo instrumentos para que ele saiba a que preço está produzindo e qual o melhor momento para comercializar a colheita com lucro. “Hoje as propriedades têm que ser cada vez mais profissionalizadas, com uma gestão empresarial. Oferecemos uma metodologia bastante simplificada, que pode ser colocada em prática seja pelo pequeno, médio ou grande produtor”, explica o diretor da FAEMG e presidente das comissões de Café da entidade e da CNA, Breno Mesquita.

SIC 2016

Aberta ao público na última quarta (21/9), em BH, a quarta edição da Semana Internacional do Café – SIC, reúne extensa programação de cursos, campeonatos, seminários e palestras.

Da lavoura à xícara, as novidades e tendências de negócios desse universo dos cafés diferenciados são a grande atração do evento, considerado o maior do setor no país e um dos cinco mais importantes do mundo.

Uma das realizadoras da SIC 2016, a FAEMG tem participação duplamente destacada. Além do Espaço Café+Forte, a Federação marca presença na feira com estande temático, reproduzindo uma grande casa de fazenda colonial onde os visitantes farão um passeio pela história e tradição da cafeicultura mineira. No espaço dedicado ao Senar Minas, um empório interiorano é vitrine para artesanato e quitanda produzidos por ex-alunos dos diversos cursos oferecidos.

Fonte: Sistema FAEMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *