Embarques de café pela Indonésia em 2012 já superam os de 2011

Imprimir

O volume exportado pela Indonésia nos onze primeiros meses de 2012 já supera os embarques do ano passado, disse nesta quarta-feira o chairman da Associação da Indústria e dos Exportadores de Café do país, Suyanto Husein. De janeiro a novembro, a Indonésia vendeu ao exterior cerca de 400 mil toneladas da commodity, ante 350 mil toneladas em 2011.

As exportações do segundo maior produtor de café da Ásia cresceram na esteira de uma safra maior e do fortalecimento da demanda por robusta, salientou Husein, acrescentando que a produção total do ano deve ficar entre 650 mil toneladas e 700 mil toneladas, o que representaria aumento entre 14% e 23% ante o período anterior.

No entanto, segundo o executivo, os embarques da Indonésia provavelmente diminuirão nas próximas semanas, porque a colheita do país chega ao fim em dezembro e torrefadores estão recorrendo cada vez mais ao Vietnã para atender às suas necessidades. Isso porque a colheita da nova safra vietnamita está avançando e os preços são mais baixos.

Produtores da Indonésia estão vendendo o grão com um prêmio de US$ 130/t a US$ 150/t em relação ao contrato futuro com vencimento em março da Bolsa de Londres (Euronext Liffe), disse um executivo comercial de Jacarta. Ontem, esse contrato fechou ontem a US$ 1.919/t.

No Vietnã, segundo maior exportador de café do mundo, o café tipo 2 com 5% de grãos com defeitos está sendo oferecido com um prêmio de apenas US$ 20/t a US$ 25/t ante o vencimento março da Liffe, em meio à expectativa de uma colheita volumosa neste ano comercial, disse um executivo de trading de Cingapura. Desde o começo do ano safra, em 1º de outubro, cerca de 30% da produção vietnamita já foi colhida. A safra principal da Indonésia começa perto de abril. Cerca de 80% da produção é de robusta e o restante, de arábica. As informações são da Dow Jones.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *