Em Patrocínio (MG), chuvas de mais de 60 mm amenizam as condições dos cafezais

Imprimir

Em Patrocínio (MG), chuvas de mais de 60 mm amenizam as condições dos cafezais. Porém, são insuficientes para reverter o déficit hídrico das plantas. Com as precipitações, a expectativa é que haja uma nova florada nos próximos dias. Em relação à próxima safra, a expectativa é que as perdas fiquem acima do projetado inicialmente.

Na região de Patrocínio (MG), as chuvas registradas no final de semana, de mais de 60 mm, amenizaram as condições dos cafezais, que sofrem com a estiagem prolongada. A região não recebia precipitações há mais de 90 dias. Ainda assim, o volume não reverte o déficit hídrico das plantas.

O presidente do Sindicato Rural do município, Osmar Pereira, a florada aconteceu em meados de julho, após as últimas chuvas. "Porém, não houve o pegamento devido à continuidade da estiagem. A perspectiva é que agora, tenhamos uma nova florada", explica.

E diante desse cenário, a expectativa é que a perda prevista para a próxima safra fique acima do projetado inicialmente. Na safra anterior, os prejuízos ficaram entre 9% a 15% em função da seca registrada desde o início do ano. "E com a situação, muitos cafeicultores também esquelataram as suas lavouras, que só deverão voltar a produzir em 2016", destaca o presidente.

Em contrapartida, Pereira também sinaliza que apesar da oscilação registrada na Bolsa de Nova York e os preços mais valorizados no mercado interno, os produtores já fizeram a comercialização do produto. "Ainda não sabemos o que irá acontecer e é cedo para avaliar as perdas. Estamos torcendo para que não haja perdas tão expressivas", ressalta.

Fonte: Notícias Agrícolas (Fernanda Custódio) via Rede Social do Café

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *