El Salvador: exportações de café caem 46% em maio devido ao clima desfavorável

Imprimir

As exportações de café de El Salvador em maio caíram 46% ante igual mês do ano passado, para 118.458 sacas de 60 quilos, informou nesta terça-feira o Conselho de Café do país. A queda já era esperada devido ao clima desfavorável, que prejudicou as lavouras, e às plantas mais fracas da atual safra, que começou em outubro e vai até setembro.

No acumulado até maio, o país exportou 817.996 sacas, um recuo de 40% se comparado ao mesmo período do ano anterior. Até 1º de junho, 909.885 sacas foram vendidas, mas parte delas ainda não foi embarcada para o exterior. O número representa uma queda de 43% ante o mesmo intervalo da safra 2010/11.

Os preços internacionais mais baixos para a commodity também derrubaram o valor gerado com os embarques. Nos oito primeiros meses da temporada, a receita de El Salvador com as exportações de café chegou a US$ 250,24 milhões, queda de 28% ante os mesmos oito meses da safra anterior.

Até agora, o café foi vendido por um preço médio de 235 cents por libra-peso. Os principais compradores foram Estados Unidos (33%), Alemanha (24%), Japão (12%) e Canadá (10%). As informações são da Dow Jones.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *