Desconto para café do Vietnã estreita por recuo na bolsa de Londres

Imprimir

Os preços do café no Vietnã caíram nesta quinta-feira, acompanhando uma queda no mercado futuro de Londres, afastando os compradores da oferta indonésia, disseram traders.

Mas eles observam que os preços baixos também desestimulam os produtores a vender sua safra aos exportadores.

O contrato março dos futuros do robusta em Londres perdeu 4 dólares, ou 0,2 por cento, para ficar a 1.911 dólares por tonelada na quarta-feira.

Os descontos para os grãos vietnamitas se estreitaram para entre 25 a 30 dólares por tonelada para o contrato março, ante descontos de 30 a 35 dólares registrados na terça-feira e de 30 a 40 dólares na semana passada, tornando os grãos mais baratos do que o café da Indonésia.

A Indonésia é o segundo maior produtor mundial de robusta após o Vietnã. Os preços para grãos de Sumatra classe 4 e 80 grãos defeituosos foram cotados com prêmios entre 70 a 100 dólares para o contrato março, ante prêmio de 100 a 150 dólares por tonelada na semana passada.

"Por causa do período de feriados, a demanda norte-americana e europeia ficou um pouco mais lenta", disse um operador indonésio. "Muitas pessoas estão comprando do Vietnã… É mais barato em comparação com a Indonésia."

Vários compradores estão aceitando entregas dos grãos do Vietnã a fim de cobrir posições e também se preparar para o período de feriado prolongado no mercado no início de fevereiro, quando o país para as atividades por uma semana para celebração do ano novo lunar, disseram traders.

Produtores, no entanto, estão segurando os grãos, esperando preços melhores. "Os exportadores não podem comprar facilmente agora com os produtores segurando as vendas", disse um trader da cidade de Ho Chi Minh.

Fonte: Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *