Crise ajuda Nespresso: portugueses saem menos

Imprimir

A «forte procura» por parte dos consumidores em 2011 impulsionou os resultados globais da Nespresso, que atingiu vendas superiores a 3.500 milhões de francos suíços no ano passado, um crescimento orgânico de cerca de 20% face a 2010.

«No ano passado, os consumidores que procuram momentos de prazer continuaram a escolher a Nespresso, apesar dos tempos mais turbulentos que muitos mercados atravessam, e apesar de um grande crescimento ao nível da diferentes ofertas e opções de consumo no sector do café em porções individuais», comentou o CEO da Nestlé Nespresso, Richard Girardot, em comunicado.

No ano passado, «a Nespresso investiu muito no seu plano de expansão em Portugal, o que lhe permitiu colocar à disposição dos consumidores 10 Boutiques, a nível nacional. Em 2011, a Nespresso abriu 90 pontos de entrega de cápsulas em todo o país», revela a empresa, acrescentando que «isto permite-nos estar fisicamente presente em 94% dos distritos portugueses».

A nível mundial, a Nespresso vai fazer crescer a sua rede de Boutiques durante este ano, com mais de 40 novas aberturas, até ultrapassar as 300.

Portugueses viram-se para o lazer em casa

No final de 2011 e início 2012, o pipeline de inovação Nespresso lançou duas novas máquinas para o Canal profissional. Para o diretor geral da Nespresso para Portugal e Espanha, Vincent Termote, «estes dois lançamentos vão ter um impacto muito significativo no canal Profissional do nosso negócio, que tem grande potencial de crescimento em Portugal».

«Para o segmento Lar, haverá também novidades ao nível de máquinas, e ao nível de café com o lançamento de Limited Editions», garante.

Para Richard Girardot, CEO da Nespresso S.A., «a Nespresso está bem posicionada para dar resposta a esta crescente procura, que vai continuar a alimentar o nosso crescimento em 2012 e não só. Por um lado, os consumidores vão voltar-se mais para o lazer em casa, seja para o convívio com amigos ou para uma refeição».

«Por outro lado, à medida que os hotéis de luxo, restaurantes e até os distribuidores trabalham para criar as suas próprias experiências únicas, eles confiam cada vez mais na Nespresso para os ajudar a oferecer aos seus clientes o toque final perfeito para uma refeição ou a marcar a sua estadia com um momento de prazer», acrescenta.

Localmente, o número de funcionários aumentou 5%, para os 355 colaboradores.

Fonte: Agência Financeira (Portugal)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *