Cooparaiso elege conselhos e apresenta nova estrutura de gestão

Imprimir

A Cooperativa Regional dos Cafeicultores de São Sebastião do Paraíso (Cooparaiso) realizou na última quinta-feira (31/03) Assembleia Geral Extraordinária e Ordinária para eleição dos novos Conselhos Fiscal e Administrativo (veja os nomes abaixo), apresentação do balanço de 2010 e apresentação de nova estrutura de gestão.

O presidente da cooperativa, deputado federal e atual secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, foi reeleito para a presidência do Conselho Administrativo. A assembleia foi prestigiada pelo deputado estadual Antônio Carlos Arantes, que também faz parte do Conselho Administrativo e pelo diretor-técnico da Emater, José Rogério Lara, que passou a integrar o quadro de conselheiros como suplente do Conselho Fiscal.

“A cooperativa tem que ser sempre nova e moderna. Para isso, o novo Conselho Administrativo vai dar e cobrar diretrizes e metas”, disse o presidente Carlos Melles, ressaltando que a Cooparaivo vai seguir trabalhando cada vez mais com os três pilares de sustentabilidade: econômica, social e ambiental.

Um dos pontos fortes das novas diretrizes políticas é a renovação do parque cafeeiro. “Para que o produtor tenha rentabilidade com sua lavoura é necessário que sua produtividade seja de 25 a 30 sacas por hectare. Por isso, meu conselho é que plantem café, renovem e cuidem melhor de suas lavouras”, recomendou o presidente, anunciando que para isso a cooperativa vai fazer a formação e distribuição de 12 milhões de mudas de café. “O produtor não pode trabalhar com medo e é preciso renovar cerca de 20% de nossas lavouras e para isso, contarão com nosso apoio”, disse Melles.

Contribuir para a recuperação e o aumento de renda e crescimento dos seus 5.850 associados, reforçando os serviços de colheita e pós-colheita com programas específicos serão pontos fortes do trabalho que a Cooparaiso vai incrementar em seu atendimento ao cooperado, com foco na busca cada vez maior da qualidade.

Outra meta da Cooparaiso é ampliar a área de reflorestamento onde a cooperativa está inserida, através de parcerias com prefeituras, associações e sindicatos rurais, Emater e outras instituições, com a formação de 500 mil mudas de eucalipto e plantas nativas. “É a roça que move tudo. Precisamos de estradas rurais em condições para escoar a nossa produção, esse é o crescimento com sustentabilidade que buscamos, a fim de ajudar o nosso país a se manter como um dos mais fortes em proteção ambiental”, disse o presidente.

Carlos Melles disse que a cooperativa cresceu em seus 50 anos de existência e que outros desafios se apresentam para que a Cooparaiso continue crescendo nos próximos 50 anos. “Nosso maior desafio será a administração de nossas propriedades. Com a alta do preço do café agora, podem ter certeza que o aumento do custo de produção virá em velocidade galopante. Os preços dos insumos já estão subindo e isso testará a competência de todos nós”, resumiu.

Novos conselhos – Em busca da modernização da gestão, a Cooparaiso adotou um novo organograma e, nesta nova estrutura de governança a organização instituiu a figura do superintendente, que terá funções programadas e bem definidas, como por exemplo, a responsabilidade de colocar em prática as novas diretrizes apresentadas. A função ficará a cargo de Cecília Rita Guidi Marcolini, que até então respondia como diretora financeira da cooperativa.

Também foram apresentadas aos cooperados algumas modificações estatutárias, de cunho operacional, que têm como objetivo atender com maior presteza às empresas que trabalham com a cooperativa.

Confira os novos nomes dos integrantes do Conselho de Administração, que foram eleitos na assembleia:

Presidente – Carlos Carmo Andrade Melles

Membros – Antônio Carlos Arantes, José Fichina, Luiz Carlos Diogo, Adilson Salviano de Paula, Fuad Felipe, João Reis Júnior, Rubens Silveira Coelho e Jorge André Araújo.

Superntendentes – Cecilia Rita Guidi Marcolini e Rogério Couto Rosa Araújo.

Novos integrantes do Conselho Fiscal – Paulo Roberto de Miranda, Antonio Jacinto Caetano, Hélio José Alves de Figueiredo e os suplentes Túlio Mambrini, Antonio Adolpho de Souza e José Rogério Lara.

Fonte: Coffee Break

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *