Consumo de café está aumentando nos mercados emergentes

Imprimir

Os mercados emergentes e os países produtores serão responsáveis por mais de 50% de todo o consumo de café do mundo até 2020, de acordo com a P&A Marketing International. O uso nesses países atualmente representa 42% a 43% do consumo mundial total, disse o diretor da companhia de pesquisa do Rio de Janeiro, Carlos Henrique Jorge Brando, em uma entrevista em Antuérpia, Bélgica. "Cerca de 85% do aumento do consumo entre agora e 2020 virá dos países produtores e dos mercados emergentes".

O consumo mundial de café será de 136 milhões de sacas de 60 quilos na estação de 2011-12 começando no próximo mês, disse a chefe de pesquisa e análises da CoffeeNetwork, Andrea Thompson. O uso totalizou em 134,8 milhões de sacas em 2010, disse a Organização Internacional de Café (OIC) em seu relatório de agosto.

O consumo de café tem crescido a uma taxa média anual de 4,2% nos países produtores e 3,5% nos mercados emergentes nos últimos 5 anos, disse Brando, cuja companhia também representa a Pinhalense SA no Brasil, maior fabricante mundial de equipamentos para processamento de café. O Brasil poderá superar os Estados Unidos como o maior consumidor mundial de café nos próximos três anos, disse ele.

"À medida que os países produtores se tornam mais importantes, pressionarão os preços", porque eles exportarão menos, disse ele.

Fonte: Bloomberg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *