Conhecidos os finalistas do 3º Prêmio Conilon Especial

Imprimir

O III Prêmio Conilon Especial aproxima-se de sua etapa final. Após uma nova rodada de análises sensoriais foram conhecidas as 30 amostras da categoria natural que estarão participando da final. A lista com os nomes dos produtores que fizeram os melhores cafés esse ano encontra-se disponível ao público.

Nessa semana as propriedades continuam sendo auditadas para a Análise de Sustentabilidade. Por premissa do III Prêmio Conilon Especial – Concurso Estadual Conilon de Qualidade, não basta ter uma boa amostra. A proposta é que a premiação valorize todo o processo de produção. A análise seguirá os parâmetros da sustentabilidade do Protocolo 4C.

O Prêmio tem por objetivo reconhecer, premiar e incentivar a produção de café Conilon, Coffea canephora, de qualidade no Estado do Espírito Santo, através do uso de práticas sustentáveis de produção. Nesta edição 2014 foram recebidas mais de 350 amostras, onde os melhores cafés serão conhecidos no final deste mês de novembro e concorrem a uma premiação de até R$ 50 mil.

Esse ano houve uma unificação dos dois principais concursos do Estado de café Conilon, ou seja, o Prêmio Conilon Especial incorporou o Prêmio Pio Corteletti – Conilon Descascado, premiação tradicionalmente realizada pela Coopeavi. Devido a integração, o concurso ganhou mais força para classificar, premiar e incentivar os cafeicultores a fazerem cafés de qualidade.

As amostras de ambas categorias foram degustadas e classificadas simultaneamente em Jaguaré, na Conilon Brasil, e em Santa Maria de Jetibá, na Coopeavi. No Norte do Estado foram reunidas as amostras da categoria natural e as amostras da categoria cereja descascado foram encaminhadas para região Serrana.

Para o Gerente de Marketing da Conilon Brasil, Arthur Fiorott, a busca pela qualidade tem aumentado a cada safra. Seja na busca de informações ou nas próprias produções. Organizadora do concurso desde a primeira edição, a empresa destaca que a edição 2013 teve 276 amostras, um acréscimo de 27% neste ano. As amostras provêm de 30 municípios capixabas diferentes, ou seja, mais de 50% dos municípios produtores de conilon participam estão participando do concurso de qualidade.

A lista com os nomes dos Classificados na Categoria Natural e Cereja Descascado estão disponíveis nos sites da Coopeavi (www.coopeavi.coop.br) e Conilon Brasil (www.conilonbrasil.com.br).

Parceiros

O 3º Prêmio Conilon Especial – Concurso Estadual Conilon de Qualidade conta com inúmeros parceiros. Entre eles estão empresas como Nestlé, com a marca NESCAFÉ® que é pioneira no desenvolvimento de ações baseadas no conceito de criação de valor compartilhado na cadeia produtiva de café conilon. A Fertilizantes Heringer, Pinhalense, Coopeavi, Bryzer Comércio de Café, Sebrae, Metalúrgica Fardin, Viveiro São Gabriel, Kubit Comércio Café, Cooabriel, Pentair, ImoControl, CQI, Agrobis, BUNN.

Todo o concurso conta ainda com o apoio do Governo do Estado, Secretaria Estadual de Agricultura e INCAPER. Também apóiam as prefeituras de Alto Rio Novo, Anchieta, Baixo Guandu, Boa Esperança, Jaguaré, Linhares, Pedro Canário, Pinheiros, São Domingos do Norte, Santa Tereza, São Mateus e Sooretama. Outros municípios participam por meio de seus concursos locais, como Cachoeiro de Itapemirim, Castelo e Conceição do Castelo. Bem como os municípios atendidos pela Coopeavi e Cooabriel.

 

3º Prêmio Conilon Especial – Categoria Natural – 30 Classificados

Produtor

Municipio

Adolfo Kruger Santa Maria de Jetibá
Afonso Luiz Crivelario Águia Branca
Angelina Patussi Cachoeiro de Itapemirim
Antonio Estevam de Souza Muqui
Augusto Krause Afonso Cláudio
Dreivison H. Hackbart Petroneto Afonso Cláudio
Elias Horst Iúna
Emilio Messias Horts Iúna
Fabricio Zuim Castelo
Francisco Fim Castelo
Gernandia dos Santos Carvalho Cachoeiro de Itapemirim
João Delpupo Afonso Cláudio
João dos Santos Castelo
João M. da Silva Irupi
José Almir Fioresi Castelo
José Arnaldo Zandonadi Afonso Cláudio
José Augusto Demartini Landi Alegre
José Carlos Pancini Cachoeiro de Itapemirim
Luiz Cláudio de Souza Muqui
Marciano Valane Castelo
Mariceia Aparecida Bleirdson Cachoeiro de Itapemirim
Moisés Amichi Águia Branca
Oleir José da Silva Afonso Cláudio
Ozilio Partelli Vila Valério
Pedro Euzébio Fioresi Castelo
Pedro Fim Castelo
Reinaldo Quiuqui Águia Branca
Romario Patussi Pancini Cachoeiro de Itapemirim
Sergio Luiz Felipe Cachoeiro de Itapemirim
Vicente Fioresi Castelo

3º Prêmio Conilon Especial – Categoria Cereja Descascado

Produtor

Município

Adolfo Delpupo Zambom Afonso Claudio
Alendino Pereira Mota Santa Teresa
Altamiro Ludke Afonso Claudio
Ari Fernandes Saturinino Mantenópolis
Arthur Ludke Afonso Claudio
Dejair Ferrera Gomes Afonso Claudio
Dolizete Rosa Afonso Claudio
Edilson Brandt Afonso Claudio
Eduarte Santos do Nascimento Afonso Claudio
Eliadir Souza Mendonça Afonso Claudio
Elivelton Braz Zambom Afonso Claudio
Emilio Messias Horts Iúna
Ernanes Marques da Silva Santa Teresa
Fabiana Martins Rezende Marquiori Barra de São Francisco
Fabricio Oliveira Monteiro de Castro Santa Teresa
Florentino Brandt Afonso Claudio
Francisco Fim Castelo
Francisco Geovani Casem Venturim São Domingos do Norte
Francisco Tonoli Afonso Claudio
Giovânio Cesar Jering Itarana
João Batista Machado Mimoso do Sul
João Delpupo Afonso Claudio
José Augusto Demartini Landi Alegre
José Braz Ortelan Santa Teresa
José Eraldo Delpupo Afonso Claudio
José Ribeiro Afonso Claudio
Leandro Pogiam Mimoso do Sul
Leonel Rosa Afonso Claudio
Luciano Tonoli Afonso Claudio
Luis Carlos da Silva Gomes Santa Teresa
Maria Rosalina Bridi Gomes Santa Teresa
Paulo Kuster Afonso Claudio
Pedro Paulo da Silva Santa Teresa
Raimundo de Paula Linhares
Rodney Borges da Silva Afonso Claudio
Rosana Delpupo Ribeiro Afonso Claudio
Valdeir Davila da Silva Afonso Claudio
Vicente Fioresi Castelo

Fonte: Assessoria de Comunicação Conilon Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *