Colheita em mutirão causa economia para cafeicultores de Minas Gerais

Imprimir

Em mais um dia de colheita em Nepomuceno, sul de Minas Gerais, o agricultor Sérgio Domingos se junta aos vizinhos e segue para a lavoura. A propriedade dele tem sete hectares.

Idair Fonseca e Francisco de Paula também são pequenos cafeicultores e para economizar com a mão de obra e baratear os custos da produção, eles se uniram e agora um ajuda na colheita do outro.

Os custos com a contratação de safristas representam quase a metade da produção de café nas propriedades do sul de Minas, segundo dados do Centro de Excelência do Café.

Nesta safra, Sérgio espera colher cerca de 120 sacas e com o mutirão vai economizar quase R$ 5 mil. Francisco também já fez as contas do dinheiro que vai poupar com mão de obra, serão aproximadamente R$ 2 mil.

A ideia que surgiu no ano passado deu tão certo, que os produtores de Nepomuceno já pensam em aumentar o número de pessoas envolvidas no projeto e criar uma associação.

Fonte: Globo Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *