Colheita de café do Brasil passa da metade, mas tem atraso ante média, diz Safras & Mercado

Imprimir
A colheita de café do Brasil avançou seis pontos percentuais na última semana, atingindo 54% do total esperado para a temporada 2021/22, mas mantém um atraso ante a média histórica para a época, informou nesta quinta-feira a consultoria Safras & Mercado.

Considerando a estimativa de produção da consultoria, o Brasil já havia colhido 30,45 milhões de sacas até a última terça-feira.

Na mesma época do ano passado, produtores tinham colhido 56% de uma safra recorde. A média dos últimos cinco anos para o período é de 58%.

“Depois de alguma chuva e muito frio, o tempo ficou mais firme. E isso ajudou no andamento da colheita e secagem do café”, disse o consultor de Safras & Mercado, Gil Barabach, em nota.

A colheita de arábica chega a 42% da produção, contra 46% em igual época do ano passado e 50% da média histórica para o período.

No conilon, os trabalhos alcançam 73% da produção, ficando abaixo dos 79% de igual período do ano passado e também bem aquém dos 84% de média para o período.

Fonte: Reuters (Por Roberto Samora)