CMN aprova unificação de operações de custeio e colheita de café na safra 2011/2012

Imprimir

O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou hoje (28) a unificação, na safra 2011/2012, das operações de custeio e colheita de café, com recursos já definidos no Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé) em até R$ 600 milhões. 

Segundo o secretário adjunto de Política Econômica do Ministério da Agricultura, Gilson Bittencourt, a medida tem três vantagens: a contratação das duas modalidades em apenas uma operação, a redução dos custos com registros em cartório e transações e a garantia de disponibilidade dos recursos. 

Apesar da unificação das operações, o crédito para a colheita poderá ser acessado pelo produtor apenas em setembro. 

O CMN também aprovou na reunião de hoje o direcionamento dos recursos do Funcafé para linhas de crédito com exercício em 2011. De acordo com a divisão, serão destinados até R$ 300 milhões para a colheita da safra 2010/2011, até R$ 500 milhões para estocagem e um limite de R$ 500 milhões ao Financiamento para Aquisição de Café (FAC). 

Ainda serão destinados até R$ 50 milhões para constituição de margem de garantia e ajustes diários nas vendas a futuro.

Fonte: Noticias Agricolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *