Clima atrasa colheita e produtores do interior de SP esperam queda na qualidade do café

Imprimir

Produtores acreditam que qualidade do café vai cair na safra deste ano (Foto: Reprodução/EPTV)

O clima atrasou a colheita de café na região de São João da Boa Vista (SP) e os produtores já esperam uma queda na qualidade do produto em relação às safras anteriores. A diversidade de café no terreiro não é um bom sinal. Os grãos estão com cores diferentes porque em setembro e outubro, que é período de floração, choveu pouco.

A chuva veio mais tarde, surgindo uma nova florada. Agora, em um mesmo pé é possível encontrar frutos maduros e verdes. “O ideal seria que a planta de café desse apenas uma florada para que tivesse a maturação mais uniforme possível, mas essa maturação foi um pouco tardia”, disse o engenheiro agrônomo Daniel Dias Oliveira.

O desafio para o agricultor é encontrar o ponto ideal de colheita. Se esperar demais, os grãos que já estão maduros secam no pé e caem. Se colher agora, a quantidade de grãos verdes pode prejudicar a produção.

De um jeito ou de outro, vai ser muito difícil conseguir o mesmo percentual de qualidade obtido na safra passada. “Vai dar um café preto, café verde, miúdo. E um café melhor esse ano vai ser um percentual bem menor, uns 20%, 30% em relação ao ano passado”, explicou o produtor rural de Divinolândia Luís Antônio Marco de Sordi.

Na cidade vizinha Caconde, a produtora Roberta Bazilli começou a colher há duas semanas. Como o resultado não estava sendo o esperado, ela resolver atrasar a colheita em 10 dias e acertou na decisão.

Agora, ela encontra bem menos grãos verdes misturados aos maduros. “Estava dando um percentual de verde de 40%. Estamos começando devagar, mas já baixou muito o percentual”.

A região de São João da Boa Vista, a segunda maior produtora de café no estado, deve alcançar este ano 1,3 milhão de sacas, uma produção bem maior do que a do ano passado quando foram 900 mil sacas.

Fonte: G1 São Carlos e Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *