Cidade alemã proíbe uso de cápsulas de café expresso em prédios públicos

Imprimir

A cidade de Hamburgo, segunda maior da Alemanha, proibiu a compra de cápsulas de café por repartições públicas. A medida introduzida em janeiro faz parte de um grande esforço da gestão pública para reduzir a quantidade de resíduos sólidos lançados ao meio ambiente.

O Guia para Contratos Ecologicamente Responsáveis, um documento de 150 páginas, também baniu garrafas plásticas de água, produtos de limpeza à base de cloro, pratos e talheres de plástico, entre outros produtos.

Sobre as cápsulas de café, o documento afirma que "essas pequenas embalagens causam gastos desnecessários e geram resíduos que, geralmente, contêm alumínio poluente" e diz estar proibida a compra deles para uso em "Kaffee Kapselmaschine", ou máquina de cápsula de café. Em cada oito cafés vendidos na Alemanha, um deles vem de cápsulas individuais.

Cápsulas não são facilmente recicláveis porque são feitas de uma mistura de plástico e alumínio. A borra de café restante também dificulta o processo

O porta-voz do Departamento de Meio Ambiente e Energia de Hamburgo, Jan Dube, afirmou em entrevista à BBC que essas cápsulas não são facilmente recicláveis por serem "geralmente feitas de uma mistura de plástico e alumínio".

"Nós aqui em Hamburgo pensamos que essas cápsulas com 6 gramas de café em um pacote de 3 gramas não devem ser compradas com o dinheiro do contribuinte", afirma.

Além da complexidade da embalagem, a cápsula usada ainda guarda borra de café moído, o que a torna difícil de ser processada nas fábricas comuns de reciclagem do município.

O mercado do café em cápsula no Brasil saltou de R$ 19 milhões, em 2005, para R$ 1,4 bilhão, em 2015. Mais de 7.000 toneladas do café nas embalagens individuais foram vendidas no ano passado no país, segundo a consultoria Euromonitor. Mas, as empresas não informam quanto dessas cápsulas foram recicladas.

Fonte: UOL Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *