Chuvas garantirão boa florada para café mineiro

Imprimir

Grande parte do Sudeste do Brasil ainda sofre com o déficit de umidade, mesmo depois de algumas pancadas de chuva em agosto e até do granizo localizado sobre algumas áreas produtoras de café. Agora, os cafeicultores estão de olho nas chuvas de setembro. Normalmente, a florada do café acontece só no final do mês, com a volta das chuvas que ocorrem no início da primavera. Só que neste ano, a região Sudeste já terá pancadas mais significativas a partir da semana que vem. Esta chuva vai atingir as áreas produtoras de café entre São Paulo e Minas Gerais, antecipando a florada de alguns cafezais.

– Na realidade, não importa muito se a florada começa cedo ou tarde, desde que haja a continuidade das chuvas – explica o agrometeorologista da Somar, Marco Antônio dos Santos. 

Segundo ele, quando as chuvas não se prolongam após a florada, a planta aborta o chumbinho. De acordo com as previsões da Somar Meteorologia, os produtores não precisam ficar apreensivos, porque não é isso que vai acontecer.

– Mesmo irregulares, teremos pancadas de chuva nos próximos 30 dias, o que deve dar sustentação para boa parte desta florada – diz o especialista. 

Claro que não está descartado o risco de alguma microrregião ficar com o tempo mais seco e sofrer prejuízos, mas esta não será uma condição generalizada para os cafeicultores, de acordo com Santos.

Nesta sexta, dia 4, um sistema frontal organiza instabilidades sobre parte do Sudeste. São esperadas chuvas intercaladas com períodos de melhoria, que vão perdendo força conforme o dia passa, entre o centro, sul e leste de São Paulo, Rio de Janeiro, parte do Espírito Santo e sul, Zona da Mata e leste de Minas Gerais. Nestes locais, os ventos de sul predominam e mantêm a sensação térmica mais baixa. 

Outras áreas do Sudeste terão um dia de sol e variação de nebulosidade, com temperaturas em elevação e umidade relativa do ar ainda muito baixa no período da tarde. 

No sábado, dia 5, a formação de novas áreas de instabilidade no meio da atmosfera ganham o reforço de um canal de umidade, voltam a trazer pancadas de chuva e trovoadas sobre o sul de São Paulo. No litoral e leste paulista, sul, centro e Zona da Mata de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo também há previsão de chuva e temperaturas ainda baixas, além de ventos moderados. 

Nas demais áreas do Sudeste, o tempo continua firme, quente e apenas com poucas nuvens. No entanto, vai ser por volta do dia 9, em meados da semana que vem, que os volumes de chuva podem superar os 20 milímetros diários. É o caso de Varginha, que nos próximos 15 dias deve receber um acumulado de chuva que supera os 100 milímetros.

Primavera

A estação começa às 05h20 do dia 23 de setembro e marca a transição do período seco e frio para o úmido e quente.

Fonte: Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *