Certificação foi tema de debate durante o 6º Espaço Café Brasil

Imprimir

De 6 e 8, a cidade de São Paulo foi palco da sexta edição do Espaço Café Brasil, maior evento da America Latina para o segmento industrial e consumidor do setor cafeeiro. Com o objetivo de integrar os elos do sistema agroindustrial para a troca de experiências e realização de negócios, o Espaço Café Brasil contou com a participação de grandes nomes do cenário nacional e internacional do café.

Um dos destaques desta edição foi o “1º Encontro Fazendas Certificadas e Certificadoras”, com a presença de mais de cem participantes, entre produtores, torrefadores, baristas, consultores, representantes de classe e extensionistas. Em um mesmo fórum, representantes dos principais programas de certificação apresentaram e debateram os rumos e demandas da produção certificada de café. Entre as certificadoras: Utz Certified (Eduardo Sampaio), Rainforest Alliance (Rodrigo Cascales), Fairtrade (Catalina Jaramillo), Associação 4C (Luis Andrade) e Certifica Minas Café (Eduardo Uliana).

O debate foi moderado por Sérgio Parreiras Pereira, pesquisador cientifico do Instituto Agronômico de Campinas – IAC. Segundo Pereira, é notório que os vários modelos de certificação possuem normas, valores e princípios distintos, o que é saudável, pois o cenário mercadológico aponta demanda crescente de diferentes selos. “Observamos durante o encontro um exemplo prático do conceito de coopetição, em que mesmo entre concorrentes comerciais, existe uma abertura para a troca de experiências e ações conjuntas que podem beneficiar a todos”, descreveu.

Alguns sistemas já vêm se aproximando no sentido de apresentar equivalência entre si, outros, avaliam a possibilidade de uma só auditoria para dois selos.   Trata-se do início de uma articulação mais ampla entre os vários programas de certificação, no sentido de promover conjuntamente os conceitos e boas práticas da produção de café e gestão de propriedades. “Em breve, o setor cafeeiro poderá conhecer as propostas de uma Rede de Cafeicultura Sustentável”, anunciou o pesquisador.

Assista ao vídeo veiculado pelo Canal Rural:

Fonte: Polo de Excelência do Café

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *