Cápsulas de café podem ficar mais baratas a partir de abril

Imprimir

O preço do café em cápsula pode ficar menor com a decisão da Câmara de Comércio Exterior (Camex) de zerar a alíquota do Imposto de Importação do produto a partir de abril. A medida, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, também vale para aparelhos de bebidas instantâneas, feitas a partir de cápsulas. As alíquotas incidentes sobre os itens antes da redução eram, respectivamente, de 10% e 20%. Entre os principais fabricantes do produto está a Nestlé, com a marca Nespresso.

A produção de bebidas a partir de cápsulas é um nicho de mercado que tem sido bastante explorado por empresas. Neste mês, foi aprovada a criação de uma joint venture entre a Ambev e a Whirlpool para a produção uma de máquina para preparação de bebidas como cafés, refrigerantes, e até cervejas, com o uso de cápsulas

No fim do ano passado, a Brastemp anunciou o lançamento de uma máquina com cápsulas para preparar diversos produtos, incluindo chás, energéticos, refrigerantes, cafés e sucos naturais.

Fonte: Veja.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *