Cafés de oito regiões disputam título do Cup of Excellence – Pulped Naturals 2015

Imprimir

Terminou na sexta-feira, 11 de setembro, a pré-seleção das 361 amostras inscritas no Cup of Excellence – Pulped Naturals 2015. Do total, foram aprovados 99 lotes, originários de oito regiões produtoras do Brasil, que se classificaram à fase nacional do principal concurso de qualidade para grãos produzidos por via úmida (cereja descascado e/ou despolpado) no País. O certame é realizado pela Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Alliance for Coffee Excellence (ACE), com patrocínio do Sebrae.

A região com mais cafés aprovados é a Indicação Geográfica da Serra da Mantiqueira de Minas, com 38 amostras (38,4%). Na sequência, vêm: 13 lotes do Sul de Minas (13,1%); 11 da Denominação de Origem do Cerrado Mineiro (11,1%); 10 da Chapada Diamantina na Bahia (10,1%); 8 das Matas de Minas (8,1%); 8 da Indicação Geográfica do Norte Pioneiro do Paraná (8,1%); 7 das Montanhas do Espírito Santo (7,1%); e 4 da Média Mogiana em São Paulo (4,0%).

A fase nacional do Cup of Excellence – Pulped Naturals 2015 será realizada entre os dias 5 e 9 de outubro, na sede da BSCA, em Varginha (MG). Os cafés que forem aprovados nessa etapa estarão automaticamente classificados para a fase internacional do concurso, que ocorrerá na semana seguinte, no Palace Hotel, em Poços de Caldas (MG), com a cerimônia de premiação dos vencedores programada para 16 de outubro.

Os cafés inscritos no Cup of Excellence são avaliados de acordo com propriedades como corpo, sabor, doçura e grau de acidez, recebendo notas de 0 (zero) a 100, conforme tabela oficial do concurso. Os lotes classificados e determinados como vencedores após a avaliação na fase internacional são os que obtêm pontuação igual ou superior a 85 pontos.

SOBRE O CUP OF EXCELLENCE
Considerado o principal concurso de qualidade do mundo, sendo realizado em 10 países (Brasil, Burundi, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua e Ruanda), o Cup of Excellence nasceu, em 1999, no Brasil, com o objetivo de selecionar os melhores grãos colhidos em cada safra, que possuam alta qualidade e sejam adequados ao mercado de cafés especiais, visando a comercializá-los através de leilão internacional pela internet. Os preços alcançados nesses pregões chegam a superar em mais de 2.000% os valores de referência na Bolsa de Nova York, principal plataforma mundial de comercialização do produto.

Fonte: Assessoria de Comunicação BSCA (Paulo A. C. Kawasaki)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *