Café sob pressão cai na ICE e rompe mínima de quatro anos

Imprimir

O café continua sua sina negativa e rompeu na manhã desta quinta-feira as mínimas de mais de quatro anos na ICE Futures US. Em um dia de novas liquidações, as perdas registradas ao longo da quarta-feira se ampliam, sem uma reação por parte dos compradores. Há pouco, o setembro tinha retração de 215 pontos, com 116,45 centavos de dólares por libra peso, depois de tocar a mínima de 115,95 centavos, com o dezembro tendo perda de 201 pontos. 

De acordo com analistas internacionais, o dia é caracterizado por vendas especulativas, que permitiram ao primeiro contrato recuar rapidamente para um patamar distante do intervalo que vinha sendo praticado, ao redor do nível de 120,00 centavos. Adicionalmente, a mínima de quatro anos, 117,10 centavos, também ficou para trás, o que deu espaço para alguns stops de venda.

"Definitivamente, o quadro baixista voltou com pleno vigor. Recuamos fortemente, mais uma vez, e o primeiro suporte não teve maiores dificuldades em ser rompido. A tendência imediata para o setembro é buscar os 115,00 centavos, mas as perdas poderão se ampliar no curtíssimo prazo", disse um trader, que ressaltou que a pressão sobre o café deriva, além dos fatores já amplamente conhecidos relacionados à disponibilidade, também ao dólar, que tem um dia de alta considerável em relação a várias moedas internacionais e também em relação ao real brasileiro.

As exportações de café da Índia caíram 4% para 217.492 toneladas (3,625 milhões de sacas), entre janeiro e julho de 2013, em comparação com 226.703 toneladas do mesmo período do ano passado. Em termos de valor, a queda foi de 4,5% se confrontado com o ano anterior.

Segundo os dados da Organização Internacional do Café, os cinco maiores re-exportadores de café (Alemanha,Itália, Estados Unidos, Bélgica e Espanha) são responsável pelo consumo de 30% do total de 2,711 milhões de sacas embarcados no mês de abril. O líder foi a Alemanha com 1,069 milhões de sacas, seguida do Itália com 258 mil e Estados Unidos com 230 mil sacas.

Fonte: AgnoCafé via Costa Comissária

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *