Café: Safra brasileira reduzida poderá surpreender fundos, diz CNC

Imprimir

O presidente do CNC (Conselho Nacional do Café), Silas Brasileiro, afirmou que os fundos que trabalham com o grão podem levar “um susto” com o baixo volume da safra brasileira. Ele ressalta as quebras provenientes da seca de março e abril e que elas devem reduzir muito a produção.

Após meses de apostas numa safra recorde do Brasil, as cotações em Nova York recuaram fortemente e houve pressão de vendas por parte dos produtores. No entanto, estimativas dão conta de que a safra brasileira 2012/13 será de 55 milhões de sacas.

De acordo com a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), a colheita ficará entre 48,97 milhões e 52,27 milhões de sacas. Esses números podem sofrer novas alterações, já que os cafezais ainda estão sujeitos às variações no clima. Nas madrugadas de terça-feira e quarta-feira, baixas temperaturas predominaram em São Paulo, Minas Gerais e Paraná, mas não chegaram a danificar as plantações.

Fonte: Notícias Agrícolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *