Café rompe resistências e tem fortes altas na ICE Futures nesta quarta-feira

Imprimir

O contrato futuro de café de setembro negociados na ICE Futures US tinha, há pouco, alta de 1.025 pontos, com 261,80 centavos de dólar por libra peso, após ter batido a máxima de 262,50 centavos

O contrato futuro de café de setembro negociados na ICE Futures US tinha, há pouco, alta de 1.025 pontos, com 261,80 centavos de dólar por libra peso, após ter batido a máxima de 262,50 centavos. O dezembro subia 1.020 pontos.

De acordo com analistas internacionais, o dia é caracterizado por fortes compras especulativas e de fundos. Após uma abertura fraca e com algumas perdas chegando a ser reportadas pela manhã, o mercado inverteu a tendência e compras expressivas passaram a ser verificadas, com stops sendo registrados após o nível de 255,00 e 260,00 centavos para o dezembro. As bolsas de valores têm um dia de ligeira alta, ao passo que o dólar cai e as commodities, de forma geral, registram altas, com destaque para o café e para o petróleo. “As expectativas se confirmaram e, ao avançarmos os 255,00 centavos para o dezembro, conseguimos registrar novas ordens de compra e as altas passaram a se processar em boa velocidade, sendo que batemos no melhor nível de preço desde 14 de julho”, disse um operador.

O Mercon Coffee Group apresentou uma revisão para sua estimativa da safra de 2011/2012 de café do Brasil. A primeira, divulgada em março, apontava uma produção de 52,4 milhões de sacas. O número foi revisto agora para 48,6 milhões de sacas. De acordo com a trading, há cinco meses, o tamanho dos frutos em regiões produtoras de café do Brasil era “expressivo”, o que indicava um potencial para uma grande safra. No entanto, a produtividade dos cafezais mostrou-se menor do que o esperado, especialmente no sul e cerrado de Minas Gerais, e ainda na região da Mogiana.

As exportações de café do Brasil em agosto, até o dia 16, somaram 1.130.103 sacas, contra 977.954 sacas registradas no mesmo período de julho, informou o Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil).

Tecnicamente, o setembro na ICE Futures US tem uma resistência em 262,50, 263,00, 263,50, 264,00, 264,50, 264,90-265,00, 265,50, 265,65, 266,00, 266,50 e 267,00 centavos de dólar por libra peso, com o suporte em 250,65, 250,50, 250,10-250,00, 249,50, 249,00, 248,50, 248,00, 247,50, 247,00, 246,50 e 246,00 centavos por libra.

Fonte: Agnocafe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *