Café recua na ICE com foco em clima do Brasil

Imprimir
Os preços do café na ICE recuaram nesta quarta-feira, com as geadas no Brasil ainda se mantendo no centro das atenções do mercado, enquanto os contratos futuros do açúcar fecharam em alta.

O contrato setembro do café arábica fechou em queda de 1,55 centavo de dólar, ou 1,4%, a 1,059 dólar por libra-peso, seu terceiro fechamento negativo em cinco sessões.

Os preços atingiram uma máxima de sete meses na sexta-feira, a 1,1565 dólar, por preocupações com geadas durante o final de semana no Brasil, mas desde então têm retraído, à medida que o mercado avalia o impacto real das geadas.

A Cooxupé divulgará um relatório ainda nesta quarta-feira com sua avaliação inicial do impacto das geadas.

Enquanto cafeicultores brasileiros esperam danos às safras pelas geadas, investidores mantêm suas expectativas de uma produção recorde no país em 2020.

O vencimento setembro do café robusta recuou 6 dólares, ou 0,4%, para 1.430 dólares por tonelada.

Fonte: Reuters (Por Nigel Hunt) via RIC Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *