Café: Preços devem seguir em patamar elevado em 2011

Imprimir

Os fatores que favoreceram as altas dos preços do café arábica em 2010 devem continuar influenciando os valores em 2011, segundo pesquisas do Cepea. A produção mundial do arábica está muito próxima do consumo, o que limita a formação de excedentes (estoques) e sustenta os preços internacionais, especialmente para os grãos de qualidade.

Para agravar a oferta, a safra 2011/12 do Brasil, maior produtor mundial de arábica, será de bienalidade negativa (menor produção), conforme pesquisas do Cepea. Para o robusta, as perspectivas são um pouco melhores do que em 2010, mas não se esperam cenários tão bons quanto os de 2007 e 2008.

Colaboradores do Cepea comentam que os investimentos nesta variedade foram limitados pelo baixo preço recebido pela saca na temporada que se encerra.

Fonte: Cepea

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *