Café: mesmo com produção recorde, exportação de robusta recua

Imprimir

 A exemplo das exportações brasileiras de arábica, as de robusta também estão menores que as da safra passada. Segundo dados do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), de janeiro a outubro, foram exportadas pouco mais de 1 milhão de sacas de 60 kg de robusta, 59% a menos que o embarcado no mesmo período do ano passado.

Esse forte declínio ocorre mesmo com a produção nacional da variedade sendo recorde em 2012/13 (colheita encerrada em agosto). Apesar do menor ritmo em relação a 2011, quando comparado a anos anteriores, o volume exportado pode ser considerado dentro da normalidade. Um dos principais motivos foi a manutenção dos valores médios FOB do robusta nacional em 2012 frente à temporada passada enquanto os preços internacionais da variedade recuaram 7%, segundo a Organização Internacional do Café (ICO), reduzindo a competitividade do produto nacional.

Outro motivo que explica o recuo das exportações, segundo pesquisadores do Cepea, é o aumento da demanda das torrefadoras nacionais pelo robusta.

Fonte: Cepea

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *