Café: exportação de robusta cresce 102% em outubro

Imprimir

A exportação de café da variedade robusta (conillon) apresentou forte aumento de 102% em outubro. Foram embarcadas 232.572 sacas de 60 kg do produto no mês passado, em comparação com 114.957 sacas em outubro de 2010, conforme dados do Conselho dos Exportadores de Café (CeCafé), divulgados hoje. Em termos de participação, 85% do café exportado em outubro foi da qualidade arábica, 8% de solúvel e 7% de robusta.

Considerando os meses de janeiro a outubro de 2011, os dados do Cecafé mostram que os principais mercados importadores de café do Brasil foram: Europa, com 53% do total, seguida pela América do Norte, com 24%; Ásia, com 17%, e América do Sul, com 3%. Os Estados Unidos lideram a lista dos países que mais importaram café do Brasil no período com 21% do total exportado (5.801.002 sacas). Em seguida está a Alemanha, com 19% (5.184.719 sacas importadas); Itália, com 8% (2.290.166 sacas), e Japão, com 8% (2.056.502 sacas). A Bélgica ficou em quinto lugar, com 7% do total (1.930.713 sacas).

Os embarques no ano de 2011, até outubro, foram feitos principalmente pelo Porto de Santos, responsável pelo embarque de 76,7% do total (20.989.504 sacas); pelo Porto de Vitória, por onde foi escoado 15,2% do total (4.147.054 sacas) e pelo Porto do Rio de Janeiro (6% do total ou 1.652.125 sacas).

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *