Café de Carmo de Minas é eleito melhor do Brasil pela Abic

Imprimir

Nas montanhas de Minas, a mais de 1,2 mil metros de altitude, foi cultivado o café considerado o número um do Brasil, no concurso nacional da Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic). As dez sacas premiadas, que foram vendidas por R$ 1.850 cada (o preço médio da saca este ano foi de R$ 570) saíram de uma propriedade de 130 hectares, em Carmo de Minas.

Na classificação feita pelo provador da Cooperativa Regional dos Cafeicultores do Vale do Rio Verde e da Associação Brasileira de Cafés Especiais, o lote campeão atingiu a nota 92, muito superior à média de um café convencional que é 70. Na avaliação, foram levados em consideração aspectos como a aparência e o sabor do grão.

O produtor José Roberto Canato diz que o segredo do café premiado é tentar preservar a qualidade que a natureza já lhe dá com alguns cuidados simples, como rodar o café a cada três horas, fazendo com que ele seque lentamente.

Antes de chegar à categoria nacional, o café foi eleito o melhor de Minas Gerais em um concurso promovido pela Emater, que reuniu mais de 1,6 mil concorrentes.

Baixe o Adobe Flash Player

Fonte: EPTV.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *