Café: consumo da bebida vai aumentar em 2014, indica USDA

Imprimir

O consumo de café continuará aumentando em 2014, segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês). A queda na produção, que também foi prevista, poderia impulsionar o preço da variedade arábica, algo que ratificam os analistas que estimam aumentos durante essa safra.

Segundo o USDA, essas serão as circunstâncias que se darão em 2014, algo que confirma o consenso do mercado levantado pelo Bloomberg ao estimar um aumento de cerca de 10% no preço da variedade arábica até o final da safra. Após o grão arábica chegar a máximos históricos em 4 de maio de 2011 – quando alcançou US$ 3,43 por libra -, os agricultores passaram a buscar aumentar a produção do grão em maiores quantidades, algo que terminou em uma situação de superprodução durante os dois anos seguintes.

Por isso, o governo brasileiro decidiu reduzir as terras de colheita desse produto para impulsionar o preço, algo que parece que conseguirá se cumprirem as estimativas dos analistas pesquisados pelo Bloomberg. Eles previram que, até o final de 2014, a libra de arábica ficará acima dos US$ 1,26, enquanto fechará 2015 nos US$ 1,32, aproximadamente.

Atualmente, e após subir em 3,9% até agora neste ano, se mantém em torno de US$ 1,15. As previsões coincidem com a análise técnica realizada por Joan Cabrero, analista do Ágora A.F., que avisa que "a tendência de baixa que atravessa encontrou o piso em US$ 1,05, a partir de onde tenta-se reestruturar a alta. Somente encontraria deterioração em suas possibilidades de alta se perder os suportes nos US$ 1,10".

Apesar de tudo, deve-se destacar que a alta volatilidade dos recursos agrícolas aconselha manter uma exposição reduzida ao café, já que, dessa forma, o investidor pode evitar outro susto. Trata-se se um mercado estreito para todos os públicos.

As informações são do jornal espenhol El Economista, divulgadas pelo CaféPoint. (CS)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *