Café Bom Dia de cara nova

Imprimir

Desde o dia 20 de novembro, a Café Bom Dia, maior exportadora de café torrado e moído e café torrado em grão do Brasil, coloca nos supermercados sua linha de cafés Bom Dia com nova identidade visual e um novo produto: o Bom Dia Superior. As novidades refletem o processo de renovação da marca, que tem como objetivo mostrar o verdadeiro valor de sua marca para o consumidor, aumentando suas vendas em 30% em 2011.

Segundo Sydney Marques de Paiva, presidente da empresa, em trinta e dois anos de história esta é a terceira vez que a marca é revitalizada. “Percebemos a necessidade de ajustar nossa imagem ao nosso produto, já que oferecemos um café de alta qualidade. Queremos que o consumidor tenha essa percepção assim que veja a embalagem nas prateleiras”, destaca.

Para mudança no visual e lançamento do novo produto, a empresa fez o maior investimento de sua história, incluindo o desenvolvimento, as pesquisas, a alteração da logomarca e das embalagens, o uniforme para equipe de trade e troca de materiais promocionais nas lojas.

A nova logomarca traz o tradicional grão de café, símbolo da marca, com um formato mais leve e contemporâneo. O contorno é dourado e a marca Bom Dia, na cor preta, vem estampada no centro. As embalagens dos cafés surgem com visual mais clean, destacando a logomarca como item prioritário. Para o café Bom Dia Tradicional a cor da embalagem é laranja, para a versão Extra Forte é vinho e para o lançamento Bom Dia Superior, roxa. O verso das embalagens mostra os diferenciais da empresa e dos produtos de forma dinâmica e ilustrativa.

O trabalho de renovação da marca contou com a consultoria de Eduardo Gasperini, da mkt!.“Para fortalecer a marca no ponto de venda optamos por uma logomarca que destacasse mais o nome Bom Dia. Para isso aumentamos o tamanho das letras para que palavra Bom Dia salte aos olhos do consumidor. As embalagens também trazem frases para criar uma sinergia maior entre o produto e o consumidor como: Seu café delicioso! no Tradicional, Delícia de Café Forte! no Extra Forte e Delícia de Aroma e Sabor! no Superior”, conta Gasperini.

Para atender o consumidor mais exigente e ressaltar a qualidade do café que produz, a marca aumenta a família e coloca nas gôndolas o café Bom Dia Superior, resultado de uma rigorosa seleção de grãos de alta qualidade que atende ao padrão superior do programa de Qualidade do Café (PQC) da ABIC. O novo produto é torrado em um ponto que ressalta as melhores características do café, proporcionando um sabor e aroma especiais.

“Mais uma vez queremos reforçar a qualidade. Sempre investimos nisso, contamos com mais de vinte certificações e agora chegou o momento de reforçar nosso principal trunfo junto ao mercado”, finaliza Marques de Paiva.

Lata comemorativa
Para o lançamento do café Bom Dia Superior foi criada uma embalagem especial para o produto: uma lata comemorativa. A lata de 1kg, na cor roxa, traz palavras e frases soltas e cheias de alto astral como Espalhe Alegria, Pense Menos, Um Dia de Cada Vez, Nunca Diga Nunca e Sonhe. É uma edição limitada que pode servir como presente de Natal. O empacotamento de café em lata é mais uma novidade no mercado nacional (só é possível graças a alta tecnologia que a fábrica desenvolveu para atender aos exigentes mercados que trabalha), além de ter um prazo de validade muito maior, também pode ser utilizado para armazenar o pó de café e outros produtos.

Café sustentável para exportação
Como detentora do maior número de certificados socioambientais do mundo, a Café Bom Dia comprova sua cultura de respeito ao meio ambiente e a sociedade. Como exemplo a empresa é uma das únicas no mundo a ter uma torrefação com a certificação Carbon Neutral, que garante a neutralização da emissão de CO2 com o plantio de árvores e melhoria de processos. Outras certificações de peso são: a Rainforest Alliance – que comprova a produção visando a conservação da água e do solo, proteção da vida selvagem, salários justos, assistência médica aos trabalhadores e educação para seus filhos; e a FairTrade, que garante aos pequenos produtores de café de receberem uma quantia justa por sua colheita, além de auxiliar no desenvolvimento das fazendas ou comunidades que sigam padrões internacionais de proteção ambiental. A Café Bom Dia conta ainda com as principais certificações de orgânicos do mundo como a UTZ Certified, USDA Organic e BCS Öko-Garantie.

“Todas essas certificações mostram nossa preocupação com a sociedade e com o meio ambiente. No Programa FairTrade são 4500 pequenos produtores beneficiados que recebem nosso apoio para que estes possam se desenvolver cada vez mais e produzir um produto sustentável de alta qualidade”, explica Sydney.

Entre as marcas globais da Café Bom Dia produzidas com a certificação FairTrade estão a National Geographic Terra Firma™ e a Marques de Paiva. A National Geographic Terra Firma tem cafés especiais produzidos por pequenos produtores do Brasil, Etiópia, Costa Rica, Colômbia, Sumatra e Quênia, regiões que produzem os mais finos cafés do mundo. A Marques de Paiva oferece uma linha de café gourmet especialmente desenvolvido para foodservice. Os produtos são feitos para exportação e podem ser adquiridos pelo site: www.bomdia.com.br

Sobre o Café Bom Dia
A história do café Bom Dia começa em 1895, quando João Marques de Paiva plantou seu primeiro pé de café nas terras de Minas Gerais. Hoje, após quatro gerações, e sob o comando de Sydney Marques de Paiva, a empresa conta com oito marcas – Bom Dia, Sul de Minas, Princesa, Copa de Ouro, Marques de Paiva, Mr Coffee, Café Brazil e National Geographic Terra Firma, é responsável pela produção de mais de noventa produtos de marcas próprias de café no Brasil e também para o mercado dos EUA, Chile e Canadá, além de ser a maior exportadora de café torrado e moído do país com clientes na América do Sul, América do Norte, Europa e Ásia.

A fábrica, localizada em uma área de 65 000m² na cidade de Varginha, Sul de Minas Gerais, conta com tecnologia de ponta – o controle industrial é totalmente automatizado – para produzir até 130 toneladas de café por dia. Para abastecer a fábrica, são sete fazendas com mais de três milhões de pés de cafés e várias parcerias envolvendo produtores da região, que inclui os pequenos produtores com a certificação Fair Trade para garantir a qualidade de seu produto desde a origem.

Certificações: ISO 9001 (Qualidade), ISO 14001 (meio ambiente), ISO 22000 (segurança alimentar), Carbon Neutral, American Institute of Baking (AIB), British Retail Consortium (BRC), OU, Utz Kapech, FairTrade, Rainforest, Orgânico e ABIC.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *