Ascafea: primeira associação ligada ao Certifica Minas Café

Imprimir

O Programa Certifica Minas Café está evoluindo não apenas na quantidade de produtores certificados, mas também na conscientização e organização dos cafeicultores para a conquista de novos mercados. O governo de Minas fez a parte dele oferecendo ao setor produtivo a oportunidade de certificar as propriedades cafeeiras que atendem às exigências do mercado internacional. Para aproveitar ainda mais as oportunidades que a certificação pode trazer, produtores da região de Alfenas criaram a Associação dos Cafeicultores Certificados de Alfenas e Região (Ascafea). A ideia é agregar valor ao café certificado mineiro.

São 22 propriedades associadas, buscando um mercado diferenciado para a exportação do produto certificado. Em associação, também fica mais fácil a compra conjunta de insumos. O desempenho das propriedades certificadas é acompanhado de perto por técnicos da EMATER-MG, que sinalizam positivamente a união dos produtores para aproveitarem ainda mais os benefícios da certificação, possibilitando ao café mineiro conquistar novos mercados.

Podem se associar à Ascafea somente cafeicultores contemplados pela certificação estatal, sendo este o diferencial que os une na busca pela sustentabilidade social, econômica, cultural e ambiental dos empreendimentos rurais.

O Certifica Minas Café é um dos programas estruturadores do Governo de Minas, coordenado pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SEAPA), com a finalidade de atestar a conformidade das propriedades produtoras de café quanto às exigências do comércio mundial.

Com a execução técnica da EMATER-MG, o gerenciamento do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e a auditoria da certificadora internacional IMO Control, da Suíça, promove o aperfeiçoamento contínuo da gestão da propriedade cafeeira, sendo uma alternativa democrática e acessível para todos os cafeicultores mineiros.

Fonte: Pólo de Excelência do Café

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *